Eu conto histórias. Da vida, das culturas, de produtos feitos à mão, de escritores, de artistas, das músicas, das livrarias, das danças típicas folclóricas, de comidas, de receitas, de cidades, de países,

de personalidades que marcaram seu tempo...

 

Histórias da terra, do povo, de lendas passadas de geração em geração pela oralidade e chegaram até 2020 para estar em letras bastão dos nossos computadores. Eu apresento marcas da origem de uma nação, que encontramos em traços arquitetônicos, museus e em representações diversas,

como moedas, pássaros e brasões.

 

Histórias de livros que transmitem e transcendem saberes. Da natureza e suas belezas únicas. Do artesanato, que é o fazer manual que transmite emoções, seja para quem faz ou quem compra.

De mulheres e homens que deixaram sua marca na humanidade.

 

De datas comemorativas que representam identidades, como dia de Ação de Graças, Halloween e Día de los Muertos. De cores e sabores que encontramos nas ruas, nos alimentos e nos temperos. 

De lugares que ecoam culturas latinas.

Narro conexões que unem o passado ao presente e inspiram o futuro. De histórias que me contaram e que eu repasso, pois acredito que a vida existe para que possamos compartilhar e evoluir juntos, enquanto sociedade e indivíduo. São conexões de pronúncias e palavras... de sonhos e caminhos. 

 

¡Buen camino!

© 2020 by Taís Fagundes