• Taís Fagundes

Comunicação é sentimento. É entendimento.

Comunicação é um processo tão natural como beber água, caminhar...

É entendimento. É sentimento.

Simples e complexa.

Pode ser subjetiva, como também profunda.

É a base das relações.

É percepção. É interpretação.

Eu recebo a informação a partir da minha visão. Meu conceito de mundo.


Sabe quando você recebe aquele whatsapp, SMS ou e-mail e entende o assunto de forma bem diferente do que quem enviou quis dizer?

É porque absorvemos o conteúdo a partir do que sentimos.

Pode ser que a pessoa X não tenha dito com a intenção que a pessoa Y entendeu.

E isso tudo gera um ruído desnecessário.


A comunicação escrita tem muito disso.

Eu posso me responsabilizar pelo que escrevi, porém não pelo que você entende.


No ambiente corporativo, como você reage a um e-mail enorme cheio de histórias misturadas? Você recebeu uma mensagem que julgou ser não cordial? Como sobreviver a um e-mail desaforado? Por que tem todas estas pessoas em cópia? Por que não ligou e depois somente formalizou?

São nestes pontos que quero chegar...


Você lê a mensagem a partir do seu sentimento e raciocínio.


A dica para lidar com e-mails que lhe causam irritação é:

*Escreva tudo que lhe vem à cabeça naquele momento (tudo mesmo), porém não envie. Deixe como rascunho e vá fazer qualquer outra tarefa... (isso é uma quebra de estado para baixar a ansiedade);

*Quando já se sentir tranquilo, trabalhe na coerência e cordialidade do seu e-mail.

Releia o texto quantas vezes for necessário. Exercite a empatia.


Um e-mail enviado é um documento oficial.

Escreveu, mandou, não dá para desfazer!

**até dá para desfazer se você tem uma regrinha no outlook, mas isso é outro post =D

Ponto importante: escolher o meio de comunicação adequado.

O e-mail é importante sim. Porém, se você não obter o retorno que deseja, terá que partir para outra forma de obter a resposta que precisa. Isto evidencia ainda mais a importância de uma mensagem bem escrita.

Por isso, é essencial comunicar da maneira assertiva.


:-)


© 2020 by Taís Fagundes